sábado, 13 de outubro de 2012

A VIDA É UMA EXISTÊNCIA PARA OS OUTROS




A VIDA É UMA EXISTÊNCIA PARA OS OUTROS

 "O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância". João 10.10

Somos mais tentados a pensar na vida quando alguém próximo morre. Somos levados a pensar nessa vida aqui, com maior rigor e seriedade, quando nos despedimos de alguém a quem amamos e nos é muito próxima.

Nesses momentos nossa mente viaja e pensa nos valores, nos sonhos sonhados e tornados realidade ou não, nos amores vividos, nas estações do ano, nas viagens que fizemos ou que só foram planejadas, no perdão pedido e recebido, ou no perdão que nunca demos ou nunca recebemos e o quanto isso dói, no pouco valor que o dinheiro tem, nas palavras que dissemos ou que jamais deveríamos ter dito, na dor que causamos ao outro ou que sofremos por causa do outro, na lágrima que caiu ou que sufocamos por conta da dureza do nosso coração, do amor vivido e perdido, dos natais e viradas de ano como se a vida jamais fosse acabar.......como se fossemos indestrutíveis. Pensamos em tudo isso em fração de segundos. Como é pródiga a nossa mente!

Mas é quando morre alguém que amamos que descobrimos que nossa existência aqui é fugaz e tão rápida quanto uma nuvem que passa. Como diz a música popular – somos nuvem passageira. Tiago, irmão de Jesus escreveu: “Vós não sabeis o que sucederá amanhã. Que é a vossa vida? Sois apenas, como neblina que aparece por instante e logo se dissipa”. (Tiago 4.14)

É quando vivo essa experiência do adeus, de ver alguém que eu amo partir, atravessar para o outro lado do rio de nossa existência que eu sinto que não vivemos para nós mesmos, mas sim para os outros. Nenhuma alegria é tão grande quanto o fato de saber que fomos úteis, que de uma ou de outra forma tocamos o coração de alguém, que de uma ou de outra forma nossas palavras serviram para erguer alguém que caiu, que nossas canções embalaram corações apaixonados fazendo-os mais apaixonados ainda, que aquele abraço que demos acalmou a alma aflita, que nossa forma de ver e viver a vida inspirou outros a continuar vivendo.

A vida só tem sentido se for vivida olhando para o outro, e não para nós mesmos.

Nossa arte, nossas manhãs e noites, o horizonte que temos diante de nós e que parece inalcançável, nossos sonhos, projetos e ideais, as canções que cantamos, ou somente ouvimos, o beijo que demos, o toque carinhoso que aqueceu a alma, o olhar profundo dentro dos olhos do outro, o sorriso que aproxima corações, um outro começo com outras perspectivas, as oportunidades de recomeços, a esperança que nunca findou...tudo isso e muito mais, só tem sentido por causa do outro e não de mim mesmo.

Então é aí que eu penso em Jesus. Foi Ele, sim Ele, aquele único homem que pisou esse planeta e viveu essa verdade, ou seja, ele viveu para o outro.  Com Jesus aprendemos grandiosas lições e essa também, ou seja, a vida só tem sentido se for vivida para o outro, pois ele deu sua própria vida por mim.

Não há na história da humanidade alguém que se compare a Jesus. Suas palavras, seus atos, sua morte e ressurreição continuam sendo obras para alcançar corações porque ele nasceu, viveu, morreu e ressuscitou para que nossa existência tivesse sentido.

Jesus disse: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde coração e achareis descanso para vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve”. (Mateus 11.28-30)

Querido leitor, pare e pense em Jesus. Não houve e nem haverá alguém que se compare a Ele. Ele foi totalmente verdadeiro em sua forma de viver e em suas palavras. Por isso Ele merece todo nosso crédito.

Creia nEle e viva por Ele. Descanse nEle, imite-o seja Seu discípulo. Se você reconhecê-lo em sua vida ele o acolherá em sua morte e abrirá para você os portais da eternidade.

Essas palavras eu dedico às minhas ovelhas Deise, Robson e Ana Luiza, pela perda de Maria de Fátima Dias dos Santos que partiu ontem (11.10.2012) e que, com sua morte, dá a todos nós, hoje, a oportunidade de pensar como viveremos o tempo que nos resta.

Rev. Mauro Sergio Aiello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS