terça-feira, 9 de junho de 2015

LUTERO FOI UM DESIGREJADO? ENTENDENDO IGREJA.

Escrevo de bate pronto. Meu escrito não nasce do resultado de leituras e nem da reflexão sobre algum congresso ou concílio. Talvez muito do que vou expor aqui seja, na verdade, consequência desses sessenta anos de vida e todos eles dentro da Igreja Cristã.

O que é a Igreja Cristã? Quando foi que a Igreja Cristã surgiu? Para que serve a Igreja Cristã? Por que a Igreja Cristã existe? 

Ora, respondendo a primeira pergunta eu diria, teológica e biblicamente, que a Igreja é o corpo de Cristo e que ela é composta de homens e mulheres, jovens, e crianças que já existiram, existem e existirão e que professam crer em Cristo como seu único e suficiente salvador e senhor de suas vidas. Foi o apóstolo Paulo que falou sobre isso na primeira carta aos coríntios no capítulo 12.12-31, quando faz uma analogia da Igreja com o corpo humano. Já na carta aos efésios Paulo, ao falar a respeito do relacionamento do marido com sua esposa, afirma que o marido é o cabeça da mulher assim como Cristo é o cabeça da Igreja (Efésios 5.23). Assim temos a afirmação bíblica de que a Igreja Cristã é um corpo cuja cabeça desse corpo é Cristo.

Portanto, a Igreja é um corpo e a cabeça desse corpo é Cristo. É Cristo porque é dEle que emanam os imperativos para as ações do corpo. Cristo é o cérebro da Igreja. Ele comanda cada membro em suas ações e reações. Que maravilha de verdade essa, ou seja, a Igreja Cristã é o Corpo de Cristo. Veja como a Igreja Cristã se distingue das demais instituições e corporações. 

Quando foi que a igreja surgiu? Bem a resposta a essa questão não é tão simples. Se olharmos para o que escreveu o apóstolo Paulo no primeiro capítulo da carta aos efésios, veremos que a Igreja nasceu no coração de Deus na eternidade. Lá Paulo afirma que os cristãos foram eleitos antes da fundação do mundo, ou seja, a Igreja Cristã é composta de homens, mulheres, jovens e crianças que foram escolhidos mesmo antes de existirem no contexto da sociedade humana. Devemos então ter por certo que a origem da Igreja está no próprio Deus. Assim perceba você o valor dessa Igreja, ou seja, ela é o corpo de Cristo, da qual Cristo é o cabeça e cada um daqueles que compõem esse corpo foram eleitos, escolhidos por Deus antes mesmo que houvesse mundo. Refletindo dessa maneira creio eu que temos dado uma importância muito pequena à Igreja como instituição. Talvez o nosso descaso em relação à Igreja Cristã e o tratamento tão desleixado que damos a ela esteja relacionado ao fato de que, ou não sabemos dessas verdades, ou sabemos e nos esquecemos dela. 

Mas como disse essa questão não é tão simples. Sim, porque apesar da Igreja Cristã ter a sua origem na eternidade, ela se torna uma sociedade, uma instituição humana. Sim, afinal de contas a Igreja Cristã e composta e formada de seres humanos, e como vimos, de seres humanos que professam sua fé em Jesus Cristo como Salvador e Senhor de suas vidas. O texto de Efésios 1.1-14 nos informa que Deus o Pai elegeu aqueles que iriam compor essa sociedade e que enviou seu filho para que resgataste os eleitos que andavam perdidos. E Jesus assim o fez cumprindo com a vontade soberana do Pai. É notável o que diz Jesus em sua oração sumo-sacerdotal (João 17.1-3) "Tendo Jesus falado todas essas coisas, levantou os olhos ao céu e disse: Pai, é chegada a hora; glorifica a teu filho, para que o Filho te glorifique a ti, assim como lhe conferiste autoridade sobre toda a carne, a fim de que ele conceda a vida eterna a todos que lhe deste. E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste". 

Percebe você o quão distinta é a Igreja Cristã das demais sociedades e instituições? Percebe você o que está em jogo quando tratamos essa instituição com descaso e sem a importância que ela essencialmente tem? Percebe você o que Deus realizou na história para fazer essa instituição vir a lume? A Igreja e o Casamento são instituições que tiveram sua origem em Deus. Ambas instituições devem abençoar o mundo. E ambas devem ser vistas e tratadas com enorme responsabilidade.

Podemos depreender que a Igreja é uma sociedade que tem sua origem em Deus, mas é composta de homens. A Igreja visível e militante é imperfeita. Somente a Igreja invisível e triunfante é perfeita. A Igreja Cristã que está na terra é imperfeita, somente aquela que está no céu e aguarda a plena restauração na volta de Cristo é perfeita. Assim entendemos que a Igreja que temos hoje não é perfeita, assim como nenhum casamento é perfeito. Isso é assim porque ambas as instituições (Igreja e Casamento) são compostas de pessoas imperfeitas.

Isso poderia soar como carta de alforria para um número enorme de grupos que se auto intitulam Igrejas Cristãs, mas na verdade precisamos compreender que a Igreja de Cristo verdadeira possui, historicamente suas marcas distintas que são: (1) A genuína e fiel pregação da Palavra de Deus (essa como a única regra de vida, fé e prática), a autoridade sobre a Igreja. (2) A Celebração correta dos Sacramentos, que no caso da Igreja Protestante Reformada são dois - Ceia que substitui a Páscoa e o Batismo que substituí a circuncisão e por fim (3) A prática e aplicação correta da Disciplina Eclesiástica, ferramente com a qual a Igreja zela por manter o maior nível possível de pureza e santidade.

Quando eu reflito sobre a Igreja nos parâmetros colocados aqui e quando me aprofundo a respeito desse tema eu me ponho a questionar como é possível algumas pessoas pensarem, raciocinarem que é possível ser cristão sem ter compromisso com essa instituição? Igreja, o próprio termo indica, é um ajuntamento, uma assembléia. No caso da Igreja Cristã é um ajuntamento em busca do crescimento espiritual pelo intercâmbio e comunhão; é um ajuntamento dos filhos de Deus que se deleitam em prestar culto à Trindade Excelsa. Uma leitura de Atos 2.42-47 mostra que esse foi o entendimento daqueles judeus convertidos ao cristianismo, uma ideia que não lhes era tão estranha porque se parecia muito com o que eles, os israelitas praticavam no Templo ou nas Sinagogas.

Não dá para sermos cristãos e ao mesmo tempo abandonarmos a comunhão com aqueles que professam a mesma fé. Como disse não somos um ajuntamento de pessoas perfeitas, mas sim de pessoas que buscam servir ao Deus que em Cristo nos redimiu.

Eu fico atônito quando vejo alguns que um dia foram ícones do evangelicalismo nacional, e abandonaram as Igrejas Tradicionais, criticando a Igreja como instituição religiosa sem se darem conta de que eles e seus seguidores estão inaugurando outra denominação, com nome diferente e formato diferente, mas com a mesma proposta. Alguns deles até o fazem com um certo ar de arrogância afirmando serem melhores do que as Igrejas das quais saíram ou foram colocados para fora. Lutero, o Reformador, não queria romper com a Igreja dos seus dias. Ele queria reformá-la. Ele amava a Igreja de Cristo. Ele sabia que ela era uma instituição e que tinha defeito. Foi porque não o quiseram mais e até desejavam matá-lo que ele teve que sair e fundou uma outra instituição. Ele o fez para melhor, mas o que vemos hoje é o surgimento de comunidades que nada, absolutamente nada, acrescentam de bom  ao cenário. Nesses meus sessenta anos de idade tenho visto surgirem outros movimentos, um pior do que o outro. Lutero não foi um desigrejado, pelo contrário, ele foi um instrumento de Deus para colocar a Igreja nos trilhos de onde ela tinha, há muito, descarrilado.

E você? Quem é você? O que você pretende? Quais são seus anseios sobre a Igreja de Cristo? O que você pode fazer para ajudá-la a andar no prumo? Ou seria você mais um rebelde sem causa, mais um reacionário, alguém que se posta de guru e senhor da verdade, alguém que se deixa seduzir pelo culto que seus seguidores prestam a você? Cuidado, Deus não divide sua Glória com ninguém. Cuidado rebeldia não é coisa de gente que realmente ama a Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS