domingo, 15 de novembro de 2015

O TERRORISMO

Precisamos perguntar a nós mesmos: Que utilidade atos terroristas tais como os perpetrados em 11.09.2001 e esse de 13.11.2015 têm? O que objetivam? Podemos também incluir o atentado de Beslan que ficou também conhecido como O Massacre de Beslan em 01.09.2004, o atentado no Sri Lanka em 16.10.2009 e tantos, tantos outros atentados.

Na verdade a essência desses atentados é o sentimento de ódio, a sede de vingança. Não queremos aqui analisar o mérito desses ataques terroristas. Nada os justifica por conta da covardia e da total insanidade com que os mesmos ocorrem. Quantos inocentes morrem por causa desses ataques? Muitos. Pessoas saem para se divertir, para ir ao mercado, estão em coletivos de deslocando para sua casa ou local de trabalho, em um Shopping, ou em um Supermercado, e de repente um homem bomba se detona tirando suas vidas, mutilando outros, traumatizando famílias. Com que objetivo? Qual é a utilidade de tudo isso? Sinceramente? A história tem a resposta e ela é: Não há nada de legal, justo nesses atos. Eles são apenas o resultado de pessoas insanas, enfermas mentalmente, gente manipulável.

Como se prevenir? Bem eu creio que em primeiro lugar, do jeito que as coisas estão, o que se deve fazer é reforçar e aumentar a vigilância. Os portos e aeroportos devem mesmo estar atentos a respeito de quem entra e do que entra nos países. A inteligência deve trabalhar rigorosamente procurando identificar gente que revela espírito sensível ao radicalismo e extremismo. 

Em segundo lugar é preciso que as potências controlem a venda de armamentos para esses grupos radicais. AK-47 é de fabricação russa, se não me engano. Colocar armas nas mãos de doentes, insanos terroristas pode fazer de você uma vítima, quando você menos espera. 

Em terceiro lugar é preciso que as grandes potência demonstrem se preocupar mais com a miséria nesses países onde Estado Islâmico, Hamas e outros locais nadam de braçadas. A ignorância gera dois filhos gêmeos como já escrevi: Radicalismo e Extremismo. Esses grupos se retroalimentam de ódio por se sentirem desprezados. O sentimento de vitimização desse grupos é de nível altíssimo. Muitos desses terroristas querem chamar a atenção. Muitos dos que se deixam seduzir pela propaganda e doutrinamento dos radicais são pessoas com profundas limitações e nível intelectual baixíssimo. Saõ como aqueles que se deixam viciar em drogas. E eles falam em Deus. Em nome e na contabilidade de Deus, matam. A forma mais letal contra esses grupos e usar a mídia para mostrar o quanto eles estão errados, é usar a educação para conscientizá-los de que o terrorismo é um caminho de morte para o terrorista e suas vítimas inocentes.


sábado, 14 de novembro de 2015

11/09/2001 & 13/11/2015. DIAS EM QUE A IGNORÂNCIA CALOU O MUNDO

Pouco sabemos ainda sobre os ataques terroristas em Paris de hoje (13.11.2015). Ninguém ainda (22h00 de Brasília) reivindicou a autoria dos mesmos. Independentemente de quem os perpetrou, das tentativas de justificativa para a concretização dos mesmos, eu continuo pensando que o terrorismo é um ato de covardia e que tem demonstrado ao longo da história sua total inocuidade e esterilidade. Mais fez Mahatma Gandhi com seus atos de total pacificidade contra o neocolonialismo inglês do que esses ataques terroristas. Aliás, no filme que assisti sobre esse líder indiano, parece-me que ele foi assassinado por radicais muçulmanos.

Quais as contribuições os atentados de 11 de Setembro de 2001? Alguém pode me dizer? Qual é a contribuição que a violência do Estado Islâmico traz para o mundo em que vivemos? Todas os atos praticados pelos terroristas são injustificáveis. Vejam, não estou falando que as grandes potências não têm sua dose de culpa na miséria que acontece em muitos rincões desse planeta. Eu fiquei enojado há alguns anos quando soube que a Inglaterra enviou para o Brasil um navio carregado de Contêineres repletos de lixo. Como brasileiro eu fiquei revoltado, mesmo porque não vi e nem ouvi qualquer autoridade se opondo ou fazendo qualquer coisa no afã de fazer justiça. As grandes potências cometeram ao longo dos tempos muitas coisas terríveis contra os países mais pobres. O neo-colonialismo e o neo-imperialismo sempre causou muita tristeza e miséria. Mas terrorismo não vai resolver a questão, muito pelo contrário simplesmente porque violência, seja ela de que tipo for irá gerar mais violência e não paz.

Ficamos boquiabertos diante das imagens de uma Paris sitiada. Ficamos atônitos ao ver como somos feitos reféns de um forma tão simples e banal. Ficamos ainda mais aterrorizados quando não temos diante de nós nenhuma ideia do que fazer para erradicar atitudes tão estúpidas como essa. Dizem que os americanos mataram o tal do Jihad John, personagem do Estado Islâmico que aparecia decapitando prisioneiros. Sim, acredito que uma pessoa como essa nem deveria ter nascido quanto mais continuar vivendo. Sua existência é uma estupidez, uma patologia social, uma vergonha para a raça humana, um ser repulsivo. Como disse o Primeiro Ministro Britânico, matá-lo foi um ato de legítima defesa. O que me deixa estupefato é saber que já há uma quantidade enorme de gente querendo ocupar o lugar dele.

Assim sendo, o que precisamos é trabalhar midiaticamente e mostrar que extremismos, radicalismos, violência, intolerância, são e sempre serão caminhos de conflitos, de guerra e de morte. Morte para quem muitas vezes, como é o caso de muita gente hoje em Paris e como era o caso de muita gente em Nova York em 11.09.2001, não nem nada a ver com o caso. São inocentes!!!!. Morte para Osama Bin Laden, e Jihad John e outros líderes do terrorismo. Terrorismo é caminho de morte. O homem que vive da violência morre violentamente. 

É preciso que as grandes potencias além de abandonarem a exploração das nações pobres e de terceiro mundo repartam seus recursos para erradicar a pobreza e a ignorância em nações onde os mestres do terrorismo recrutam tolos que acreditam em Papai Noel, Duendes, Fadas Madrinhas ou mesmo Virgens te esperando no Paraíso. O conhecimento é a luz que ilumina os olhos da mente e do coração e espanta as trevas do radicalismo tão afeito aos ignorantes.

Dinheiro não é o mesmo que sabedoria. O mundo do petróleo tem muito dinheiro, mas a ignorância é crassa e absurda. A Ignorância é a genitora de dois irmãos gêmeos que são o radicalismo e o extremismo. A ignorância é a cortina trevosa que faz o sujeito acreditar que atirar uma granada em uma lanchonete e em seguida explodir seu próprio corpo tirando a sua vida e a de seus semelhantes, abre os portais do paraíso onde irá desfrutar do gozo de virgens que o aguardam. Quanta estupides e insanidade. De certa forma as grandes potências estão recebendo em troca por terem explorado essa mesma ignorância ao manter essa gente sob seus "cuidados". O ignorante é um indivíduo à serviço daquele que aparentemente lhe oferece algo em troca. Veja por exemplo a fidelidade de algumas pessoas aos traficantes nos morros do Rio de Janeiro.

Só se erradicarmos a ignorância e a pobreza, poderemos caminhar em direção a um mundo mais justo e ordeiro onde episódios como os de Manhatam em 2001 e Paris em 2015 serão apenas uma triste lembrança de fatos que jamais se repetirão. O Estado Islâmico não é pobre. Pobreza e ignorância não são as mesmas coisas. Há gente muito pobre, mas cuja sabedoria sobrepuja, em muito, os reis do petróleo no Oriente Médio onde sobeja o radicalismo, a truculência, o extremismo e a ignorância. As grandes potências deveriam se lembrar que são responsáveis pelo bem estar da humanidade. As grandes potências deveriam se lembrar que fazer da ignorância uma arma pode fazer com que elas mesmas sejam vítimas mais cedo ou mais tarde.

Tais atos como os de 11.09.2001 e os de 13.11.2015 são injustificáveis, mas se há algo que as grandes potências podem fazer é ajudar a tirar as nações que vivem no período das trevas trazendo-as para a luz. 

sexta-feira, 13 de novembro de 2015

QUE PAÍS É O BRASIL? QUE DEUS SALVE NOSSA NAÇÃO

Devo admitir minha tristeza e depressão. Viver no Brasil não está fácil. É só você olhar as manchetes dos jornais e revistas, os noticiários na Internet, no Rádio, na Televisão....Cada dia há notícias de que mais Políticos brasileiros estão envolvidos com corrupção. E são tantos, mas tantos, que tenho a impressão de que não há sequer um que preste. Se Deus fizer com Brasília, por exemplo, o que fez com Sodoma e Gomorra ele teria total razão já que, aparentemente, não há sequer um que sirva para aplacar a Sua justa ira.

E, sinceramente, se trata de uma cambada que merece os rigores da lei. Não vou colocar aqui os números. Seria deprimente para você os ver, mas os salários e as mordomias dos políticos brasileiros é coisa de deixar qualquer político de qualquer outra nação com inveja. É muito dinheiro, muita mordomia! E além disso, esse mar de corrupção, esse amontoado de notícias de que fulano e beltrano têm contas na Suíça, aceitou propina de empresários, e por aí vai.

Se já não bastasse estava eu nos Estados Unidos quando ouço a entrevista de um empresário brasileiro que possui lá, uma empresa de Limusines e que alugou algumas para a Presidente Dilma e sua comitiva em uma das visitas do governo brasileiro á terra do Tio Sam. O valor do serviço? $ 100.000,00 (Cem mil dólares). Bem, não vou discutir aqui se o serviço valia, se houve super faturamento. A notícia dava ciência do calote que o governo brasileiro estava dando na empresa de Limusine, ou seja, o governo brasileiro não tinha pagado o aluguel dos carrões. Que vergonha!!!!

Se isso não bastasse, fico boquiaberto em ver o rombo que o governo deixou nos cofres da nação. Fico estupefato ao ver a notícia sobre os desvios de dinheiro na Petrobrás. Fico sem saber o que dizer diante da Operação Lava Jato. Fico sem saber o que falar ao ter ciência de que a atual administração da Presidente Dilma teve suas contas reprovadas e que ela se arvorou em dar as famosas pedaladas fiscais. Se isso não bastasse vivemos o horror de uma crise que come nosso dinheiro, enfraquece o poder aquisitivo. Se isso não bastasse vivemos em um país onde ainda há gente que acredita no comunismo marxista, da ideologia de Lenin, que admira Fidel Castro e que acende vela para Hugo Chaves. Vivemos em um país onde o MST tem mais poder de fogo do que as forças armadas. Vivemos em um país onde a criminalidade não é punida com rigor e por isso os morros do Rio de Janeiro mandam bala para baixo e para cima fazendo um inferno na vida das pessoas.

Não posso falar de flores. No Brasil vivemos o caos. Não temos flores. E nem mais futebol! Vivemos o desgoverno. Vivemos um mar de lama que não é apenas a lama que correu no interior de Minas pelo rompimento da barragens da mineradora, passou pelo Espírito Santo e foi desaguar no mar. Esse mar de lama também é resultado de uma fiscalização tão estúpida quanto a dos bombeiros lá naquela cidade do Rio Grande do Sul onde morreram mais de 200 pessoas na boate. O Brasil é uma terra sem lei. A lama que sepulta o Brasil e a lama da falta de vergonha na cara, da dissimulação, da mentira, da desordem, do caos, do desgoverno, da incompetência, da falta de conhecimento básico para governar, da impunidade, das mordomias, das cuecas com dólares, dos políticos que desandam falar da elite sentados em um restaurante cinco estrelas degustando porções de caviar.

Se formos prender todos, não haverá cadeia suficiente. Estou enojado, triste, envergonhado. Tenho filhos e netos aqui. A falta de vergonha do brasileiro, a falta de escrúpulo e pudor, a falta de brasileirismo, de nacionalismo, de amor a pátria é tão evidente quanto o sol ao meio dia. Qualquer leigo em política, economia ou qualquer outra ciência vê e entende o que está acontecendo. 

Como cristão só me resta orar por uma intervenção divina, por um milagre. Estou com a lanterna na mão, e como Diógenes O Cínico que percorria as ruas de Atenas à procura de um homem honesto, procuro um político honesto. Bem, terei que ser como as cinco virgens prudentes que levaram azeite a mais imaginando a possibilidade do noivo demorar para chegar. Assim devo levar barris de azeite porque creio que depois de rodar pelo país a fora terei que iluminar o caminho de volta sem ter encontrado sequer um político honesto no Brasil.

O inglês tem sua famosa expressão: God Save The Queen. Eu a parafraseio e a adapto: "Deus Salve O Brasil dos políticos corruptos e inescrupulosos e faça nascer nessa nação gente honesta, digna, que ame o país e sirva-o porque de gente que se serve dele estamos repletos e enojados.".


SE HOUVER AMANHÃ

Somos frágeis demais para andarmos com o peito estufado nos jactando de nossas vãs pretensões e realizações. Somos como cordão de prata, como copo de cristal.....(Eclesiastes 12.11) Tiago diz que somos como nuvem passageira. 

Cada manhã é um presente do céu, um ato de misericórdia, uma oportunidade para recomeçarmos com Deus e corações humilhados perante o Altíssimo. A Bíblia diz que as misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim se renovam a cada manhã. (Lamentações 2.21,22)

A noite chegou. Quantos de nós irão atravessar a ponte escura que nos leva ao amanhã? Tu não sabes? Ninguém sabe, mas se houver amanhã, que seja para a Glória de Deus.

Se houver amanhã que a primeira atitude minha e tua, seja agradecer a Deus. Alguém já disse que um dos momentos mais tristes na vida de um ateu é quando ele sente o intransferível sentimento de agradecer, mas não sabe a quem.

Se houver amanhã será mais uma oportunidade para amarmos as pessoas ao nosso redor porque, sinceramente, um coração que não ama é um coração vadio, vazio e sem graça nenhuma.

Se houver amanhã não exite em perdoar quem te ofendeu. Ora, o perdão é o filho primogênito do amor. Quem realmente ama, perdoa e segue em frente.

Se houver amanhã que ele seja melhor do que foi o dia que o antecedeu e o prenúncio de uma nova e melhor era de tua existência. 

É a experiência de vivermos os amanhãs que chegam para nós que deve nos fazer mais sábios de tal maneira que quando chegar o dia em que não consigamos vencer o manto trevoso da noite e paremos pelo meio dela, alguém se lembre de nós com terna gratidão e possa dizer: - Ele fará falta.

COISAS DESPREZÍVEIS


Hipocrisia. Dizem que no teatro grego ' "hipócrata" era uma máscara que o ator usava para expressar seus sentimentos. Quando ele representava alguém que estava feliz, colocava uma máscara que, vista mesmo pelos de longe era de uma pessoa com semblante feliz, mesmo que por detrás dela, o ator estivesse profundamente triste.

Hipocrisia é dissimulação, fingimento. E há muitas pessoas que são fingidas e dissimuladas. Elas dizem uma coisa, mas vão totalmente contra o que dizem. 

Bajulação. É a arte de elogiar com a intenção de conquistar a atenção e os favores do elogiado. Pode ser que o bajulador seja um hipócrita. O bajulador, normalmente é o primeiro a trair. É só ele encontrar alguém que sobrepuja o outro e ele está disposto a, sem pudor, mudar de "time". Tenho horror a bajulação. Prefiro pessoas que gostem de mim, apesar dos meus defeitos.

Falsidade. Bem..o falso é aquele que te dá tapinhas nas costas, mas na verdade queria mesmo era te esmurrar. Normalmente o falso é hipócrita. 

Inveja. O invejoso é aquele que fica mais triste com a vitória do outro do que com a sua própria derrota. O invejoso não apenas deseja o que o outro tem; ele lamenta o fato do outro ter e ele não. O invejoso ficaria satisfeito se o outro não tivesse. Lembro-me de uma cena que ilustra bem isso. Eu estava na porta da Igreja observando os fiéis chegando para o Culto. De uma lado estava uma mãe com um filho pequeno, uns cinco anos de idade, que chorava porque queria o pirulito do seu primo que estava de mãos dadas com a tia do outro lado. De tanto chorar, a mãe tirou o pirulito do filho e deu ao priminho. Este recebeu o pirulito, nem o lambeu, olhou com desdém e jogou no chão.

Mentira. A mentira destrói. Mentir é como construir um castelo na areia. Esse castelo não irá suportar os rigores do tempo. A mentira tem perca curta. A Bíblia diz que o Diabo é o pai da mentira. Mentir pode se tornar um lamentável hábito que por seu hábito passa despercebido por aquele que o pratica. A mentira tem várias motivações que vão desde a intenção de justificar um ato injustificável e que simplesmente deveria ser confessado e assumido, até tentar passar uma imagem de maior importância por um sujeito insignificante. 

Covardia. É a atitude de todo aquele que se deixa vencer pelo medo. A pessoa corajosa não é aquela que não tem medo, mas sim aquela que não permite que o medo a vença, a domine. O covarde com raras exceções é uma pessoa que não revela firmeza de propósito, é alguém que não possui ideais, sonhos. O covarde é sempre um rebelde sem causa e rapidamente bate em retirada diante do primeiro obstáculo.

Orgulho. É a sensação equivocada de que somos mais do que realmente somos, de que temos mais do que realmente temos. O orgulho precede a queda. Dizem que ele é tão letal que foi responsável pela expulsão do mais importante anjo do céu e do mais importante homem na terra. Eu sei que conviver ao lado de uma pessoa orgulhosa é um horror. O mitologista contou a história de Narciso que de tão bonito ficou paralisado em ver sua beleza refletida nas águas da fonte. O orgulhoso é aquele que se orgulha de sua humildade. Pode?

Tenho tentado (sem fingimento ou falsidade, hipocrisia ou maldade) não praticar nenhuma dessas coisas. Tenho que confessar que é difícil, mas quando consigo alguma vitória, devo confessar que faz um bem para o coração que você nem pode (ou pode) imaginar.

SUCESSO EM CASA...

Eu sempre ouvi dizer que nenhum sucesso profissional suplanta o fracasso de um lar infeliz. Antigo, mas VERDADEIRO. 

O problema a respeito do desdém quanto a essa verdade reside no fato de que a grande maioria que se casa, hoje:

(1) se esqueceu no que consiste o casamento e o entende como mais um empreendimento dentre tantos. Deu certo? Bola pra frente. Tá dando errado, mudamos o design (parceiro, casa, etc...); 

(2) não reconhece no cônjuge e filhos (a maioria hoje nem filhos mais quer ter) a parceria ideal que muitas vezes vê na figura dos seus companheiros de trabalho. Tem mais prazer nos amigos de trabalho do que no cônjuge e filhos; 

(3) se esqueceu, ou nunca soube, que na família a felicidade do outro deve ser a tua maior realização nessa vida; 

(4) não se deu conta de que no trabalho secular e profissão, nosso nível de intimidade é superficial, limitado e fugaz, mas que no casamento e na família a intimidade revela quem realmente nós somos. 

Eu diria que quando em tua casa teus filhos e cônjuge te aplaudirem, pode acreditar, você é um sucesso! Esse é o caminho para tua realização profissional. 

Quando você se aposentar, ou for impedido por por qualquer razão, circunstância ou motivo, de trabalhar, se não houver família, um assentado lar, então você irá perceber o quanto a família é absolutamente importante.

sábado, 7 de novembro de 2015

CAMPANHA ELEITORAL OU ESTELIONATO ELEITORAL


O que precisamos entender é que ação social, assistencialismo, não deve ser o discurso para a manutenção do poder de nenhum partido ou candidato a cargo político.

Educação, Saúde, Segurança, Justa e Criteriosa distribuição de renda são e devem ser obrigação precípua, compromisso intransferível, impostergável de qualquer governo. Representa um lamentável equívoco e imoralidade fazer discurso político prometendo cumprir o que é seu dever fazer. O que se espera de um jovem que se forma em medicina? Ora que ele seja médico e na sua especialidade, cuide com excelência dos pacientes colocados aos seus cuidados. O que se espera de um Educador? Ora, que ele exerça com eficiência seu papel de orientador do aprendizado. O que se espera de pessoas que chegam ao Governo? Ora, que eles exerçam suas funções e garantam com isso que, havendo justiça, possamos viver tempos de paz. 

O que nos entristece é vermos políticos em suas campanhas prometendo o que é obrigação fazer e a situação piora quando eles, eleitos pelo povo, deixam de fazer o que é obrigação e prometeram fazer. Para mim isso é estelionato eleitoral.

Nessa questão NENHUM partido político e NENHUM político, no Brasil, é inocente. Todos são bem cientes de que se não fizerem promessas eleitoreiras, mesmo que jamais as cumpram, nunca serão eleitos. Infelizmente esse é o jeito de se fazer campanha política nesse país. Esse é o jeito de se fazer política em nosso país e me parece que não é muito diferente em outros países também. Lembro-me de um candidato a vereador para quem eu disse que suas promessas eram para lá de impossíveis de serem cumpridas, mesmo porque algumas não eram nem de sua competência política e ele me respondeu que as coisas eram assim mesmo, ou seja, se ele não prometesse não seria eleito. E me disse mais; afirmou que se ele não mentisse outro mentiroso seria eleito no lugar dele.

Um amigo que me enviou um vídeo, nos dias que antecederam as eleições para presidência da República no qual um carro com sistema de som circulava pelas ruas de uma cidade do interior de um estado do nordeste, uma região bastante carente informando que se os eleitores elegessem determinado candidato, o benefício chamado Bolsa Família seria cortado, mas se o candidato que estava no governo se reelegesse, o benefício seria mantido. Ora isso é um crime. Já é um crime pedir voto prometendo Bolsa Família e outros benefícios que deveriam ser obrigação daqueles que estão no governo quanto mais mentir de forma tão descarada. Isso para mim é um tipo de negócio de troca de votos por benefícios. Os candidatos que fazem discursos desse tipo deveriam se punidos com a inelegibilidade.

É certo que o estelionatário encontra em sua vítima sempre alguém que quer levar alguma vantagem. Um amigo meu de infância caiu no conto do bilhete premiado e acabou perdendo, de forma desonrosa o seu emprego. Ele acreditou que o bilhete era premiado e que se ele comprasse por uma certa quantia ele iria receber o prêmio. Pegou o dinheiro que era para ser depositado, e que pertencia à empresa onde trabalhava, e comprou o tal bilhete vindo a constatar de forma vergonhosa que era tudo engodo. 

O povo brasileiro precisa acordar e rápido. O brasileiro precisa aprender a votar e creio que se isso acontecesse nas últimas eleições para a Presidência certamente nenhum dos candidatos alcançaria suficiente quantidade de votos de tão ruins que eram. Veja o caso da Presidente eleita. Veja quantas de suas promessas não foram cumpridas, pelo contrário, o país passa por um momento de instabilidade econômica e social. Simplesmente porque quem a elegeu acreditou (e pior, ainda há muitos que acreditam) em suas promessas de campanha. Foi sim um estelionato eleitoral e não uma campanha eleitoral.

O Brasil precisa acordar porque aquilo que um dia era um sonho, hoje tem se tornado um terrível pesadelo.

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

ABSTRAÇÕES

É FÁCIL.....

É FÁCIL....Encher a Igreja de gente vazia. Esse tipo de gente corre atrás de qualquer coisa e afinal de contas para quem está perdido qualquer caminho serve.
DIFÍCIL mesmo...É encher gente vazia com a Palavra que ensina, repreende, corrige, educa na justiça, e faz do homem, outrora um pecador inútil, alguém cujas obras são consideradas boas pelo próprio Deus.

Eu sei.....dá trabalho, ler, refletir, se dobrar diante da Escritura, chorar seus pecados....É mesmo difícil, e até pouco aceitável, essa tarefa de pregar expositivamente nas Escrituras. Talvez os homens não te aplaudam, mas Deus, que tudo vê, te recompensará na medida justa.

É FÁCIL...Dizer para Deus: Eu não aceito! Eu determino! Eu declaro!
DIFÍCIL mesmo...É dizer: Senhor, sê propício a mim pecador. Eu sou pobre e necessitado, mas o Senhor cuida de mim. Seja feita a tua vontade. Em tudo sou grato, Senhor, porque essa é a Tua vontade em Cristo Jesus teu Filho, meu Salvador. Amém.

A IGREJA.

Não a critique porque assim vc critica seus irmãos e com isso você quebra a lei do amor.

Não a abandone. Jesus morreu por ela. Seria justo você desprezá-la?

Não é o céu. O Novo Céu e a Nova Terra serão melhores que a Igreja porque neles habitarão os ressurretos com corpos gloriosos como o de Jesus. A Igreja é uma instituição humana, portanto, eivada de equívocos. O melhor seria você buscar ser o menos equivocado possível, nela.

Não é um museu. Ela é um hospital onde, na comunhão, tratamos, com o óleo do amor, nossas feridas.

A IGREJA é melhor que o mundo e seus prazeres. Quem tem prazer no mundo não irá sentir prazer na Igreja, mas isso é grave porque quem não tem prazer na Igreja de Cristo, não tem prazer no próprio Cristo e isso redundará em perdição eterna.

QUANDO? QUANDO?...????

QUANDO....
O sol se colocar por detrás daquele monte, lembre-se de que eu vivi bem....

QUANDO....
Algumas canções fizerem com que você se lembre de mim, cante como se eu estivesse contigo.....

QUANDO....
Você chorar, lembre-se de que eu também chorei meus pecados e que por isso agora eu sou consolado....e você será igualmente se chorar arrependido.

QUANDO.....
Alguém disser algo indigno a meu respeito, não me defenda, meu advogado é Cristo. 

QUANDO...
Alguém disser algo que lustre minha história de vida, diga que Deus foi misericordioso comigo.

QUANDO.....
Citarem meu nome, lembre-se de que eu tenho um novo nome na glória.

QUANDO.....
Me acusarem injustamente, pense consigo mesmo que eu te disse que o que importa é que me esforcei em amar a todos, mesmo que eu não tenha conseguido porque afinal de contas é preferível morrer tentando do que cometer o erro de nunca tentar....

QUANDO....
Disserem que eu me vangloriava em dizer que era salvo, diga que minha fé estava posta no meu Salvador Vicário, Sacrifício Expiatório e Redentor Divino, Jesus, e que por isso eu tinha certeza de que depois dessa minha pobre existência aqui eu viveria eternamente na presença de Deus....

O QUE É DO DIABO?

O Facebook não é com a mais absoluta certeza, mas com a mesma certeza ele pode ser usado por gente sob a influência dele. Gente bisbilhoteira, pré-conceituosa, invejosa, recalcada e má. E o Facebook como qualquer ambiente social, tem gente assim. Essa gente se coloca a serviço do "coisa ruim" e o fazem com o prazer que a alma caída tem na mesma proporção que o porco sente prazer quando rola na pocilga e na lama. Elas vivem da intriga. Jogam pessoas contra pessoas. Formulam juízo de valor temerário ao julgarem sem fundamento.

Eu não tenho receio em publicar o que penso e sinto, aqui no Facebook. Eu o faço porque minha vida é um livro aberto. Eu não faço tipo. Minha vida é conhecida na perspectiva do Salmo 139. Se Deus sabe tudo de minha vida, isso já é o suficiente para eu temê-lo e é a Ele que eu temo e não àqueles que jamais foram alcançados por Seu amor.

Isso não é um desabafo e nem um recado, mas sim um alerta. Quando você for publicar uma foto, um filme, um post, dar uma opinião, faça uma análise profunda da motivação. Veja que ânimo te leva a fazer isto. Se essa motivação não for digna, honrada não publique.

Do Diabo é aquele que usa aquilo que é do bem, para o mal.


terça-feira, 3 de novembro de 2015

INFÂNCIA - A MELHOR ÉPOCA

INFÂNCIA – A MELHOR ÉPOCA

Não roubem a infância de uma criança. A criança come algodão doce pensando que é algodão mesmo. A criança acredita que a força esta com Darth Vader. Um cabo de vassoura é um cavalo. Uma máscara do Spider Man a faz pensar que ele é mesmo o Homem Aranha. O imaginário de uma criança é suficiente para inspirar até o criativo Steven Spielberg.

Não roubem a infância de uma criança. Tirem os celulares de suas mãos e coloquem nelas livros com ou sem ilustração. Assim vocês irão aguçar ainda mais a imaginação dela.

Não roubem a infância de uma criança. Não discutam perto dela.

Não roubem a infância de uma criança. Ser criança é viver em um mundo de tantas preocupações sem preocupação nenhuma. Não se trata de indiferença é que simplesmente e maravilhosamente ela é uma criança.

Não roubem a infância de uma criança. O mundo da criança é um mundo de sonhos doces. Os adultos é que têm pesadelos. Sim, porque os adultos perderam o jeito criança de ser. Se uma criança tem um pesadelo, a culpa é sempre de algum adulto ou de outra criança de quem roubaram a infância.

Não roubem a infância de uma criança. Jesus ensinou que os adultos devem se converter em crianças para poderem ver o Reino de Deus. Com certeza Jesus não aprovaria crianças fossem emancipadas e se tornassem adultos. O escritor do clássico “O Pequeno Príncipe”, Antoine Saint-Exupery escreveu: “Os adultos um dia foram crianças, O problema é que eles se esqueceram disso”.

Não roubem a infância de uma criança, simplesmente porque ela é criança. Eu tenho horror quando vejo uma criança agindo e falando como um adulto. Isso soa tão falso como quando vejo adultos com atitudes infantis.

Não roubem a infância de uma criança, porque só se é criança uma vez e porque quando nos tornamos adultos, isso é para sempre.

Não roubem a infância de uma criança, porque nela depositamos nossas esperanças de um mundo melhor. Fazer das crianças adultos precoces é o mesmo que fazer morrer essa esperança.

Não roubem a infância de uma criança. Amemos as crianças e as tratemos como crianças e não como bonecas. Bonecas não sentem. Crianças sentem a amam de verdade.

Mauro Sergio Aiello
Pastor na IPB e Pedagogo.



SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS