segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

À PROCURA DO PRAZER

Outro dia, enquanto dirigia pela avenida onde está localizado o templo da Igreja que pastoreio, me deparei com alguns jovens andando pela calçada. Um deles levava em uma de suas mãos uma garrafa pet de um refrigerante. Outro jovem (creio que ambos menores de idade), carregava uma garrafa de vodca. Não sei para onde se dirigiam.

Ao chegar à Igreja, confabulei com um jovem sobre o que vi e ele me disse que é comum que aqueles jovens misturem vodca com o refrigerante. Fiquei espantado porque eram cinco jovens e a garrafa de refrigerante era de dois litros. Imaginei o quanto cada um iria tomar daquela mistura. E mais; pus-me a questionar a respeito do significado daquilo, perguntei a mim mesmo se os pais deles sabiam a esse respeito e onde será que eles teriam comprado bebida alcoólica já que para fazer isso é preciso ser maior de dezoito anos de idade.

Conclui que aqueles jovens estavam à procura de um prazer para as suas vidas. E o interessante é que enquanto perguntava a respeito desses jovens para eles passaram na frente da Igreja e seguiram em frente. Pensei então no versículo quatro (4) do Salmo trinta e sete (37): “Agrada-te do Senhor e Ele satisfará o desejo do teu coração”. Quais eram os desejos daqueles corações, daqueles jovens que desceram a avenida e seguiram adiante? Com certeza eles estavam em busca de um prazer para seus corações e almas.

Aqueles jovens representam a grande maioria da população do nosso planeta hoje. A grande maioria anda a procura de algo que lhes faça sorrir, lhes dê prazer, lhes faça cócegas no ego, sacie seus desejos sexuais, os distancie dos atos corretivos dos pais e da sociedade. Na verdade, estão procurando uma liberdade que certamente irá redundar em resultados terríveis como o vício, o ócio, a preguiça, a irresponsabilidade, a alienação, a enfermidade e a pobreza em todos os sentidos. Eles estão assimilando a filosofia dos epicureus que alimentavam o anseio pela busca do prazer e por uma vida isenta de dor.

Estou estarrecido diante do que tenho visto por aí! As diversões de hoje, são anômalas. Não sou contra quebrar tabus. Sou do tempo em que nem se podia imaginar um violão ou bateria dentro de um templo religioso. E sendo usados no Culto a Deus! Sou um dos precursores dessa nova modalidade de música litúrgica. E creio que ainda podemos ter outras conquistas, mas sinceramente Big Brother Brasil, Stand Up (Com a verborreia chula e de baixo calão. Parece até que é impossível fazer humor sem ironia, linguajar chulo e pobre e piadas que denigrem a imagem de autoridades).

Como é possível admitir que há felicidade nessas coisas? Como é possível imaginar que há sabedoria em beber vodca com refrigerante, cerveja e outras bebidas alcóolicas até vomitar ou até entrar em coma? Como é possível ser inteligente e imaginar que fumar maconha ou cheirar cocaína, ou usar LSD, metanfetamina irá resultar em benefício mental e físico? Acabei de ler o livro biográfico sobre Steve Jobs escrito por Walter Issacson e me pus a perguntar: Será que ele não contraiu o câncer que roubou sua saúde e por fim sua própria vida com o uso das drogas e de uma vida marcada pelo laizzer faire?

Que proveito há em se ficar uma madrugada toda sob o som ensurdecedor de música eletrônica acima dos decibéis permitidos, enquanto se mantém a energia com energéticos que destroem a frequência cardíaca e podem resultar em problemas sérios de cardiopatias sem chance de recuperação?

O que vejo é uma humanidade que está suicidando aos poucos, perdendo o senso e a dignidade, o rumo e vivendo para o presente século como loucos e sem um traço sequer de sobriedade.

O prazer e as paixões são apelos de um coração desesperado, sem Deus. E sem Deus não há vida. Sem comunhão com Deus você pode tentar preencher o vazio de tua alma com qualquer coisa, mas isso redundará em um vazio maior ainda. É como alguém que está em um buraco fundo, cavoucando aindaais porque insanamente imagina que a saída está em baixo. Não a saída é olhar para o alto. Quem sabe encher esse buraco de lágrimas até inundá-lo e então sair. Mas o melhor mesmo é acreditar que Cristo pode descer até onde a pessoa está e coloca-la em seus ombros tirando-a daquele poço, daquele lamaçal imundo e fétido.

Os jovens passaram na porta da Igreja e caminharam adiante, rindo, falando alto, com o refrigerante e a vodca em suas mãos sem se darem conta de que o real prazer e a verdadeira felicidade estavam tão próximas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS