domingo, 18 de setembro de 2016

O SALMO DA FAMÍLIA

O SALMO DA FAMÍLIA  Salmo 127
“Faça do Salmo 27, o Salmo de TUA família”. Rev. Mauro Sergio Aiello

No mês de Maio celebramos a família. É o mês da família e uma oportunidade para refletirmos com mais intensidade sobre essa micro-sociedade que é a base da macro-sociedade a que chamamos Estado. Como sempre diz certo padre na rádio Jovem Pan: “A família é o berço da humanidade”.



Gostaria de levar você, meu prezado leitor a olhar para o Salmo 127 e considerá-lo, desde já, O Salmo da Família Cristã. Eu penso assim pelas seguintes razões.

1.PORQUE ENSINA QUE DEUS DEVE SER CONSIDERADO 
PRIMEIRAMENTE NA FAMÍLIA.

O Salmista assevera inspiradamente: “Se o Senhor não edificar, .....Se o Senhor não guardar....” inúteis são nosso labor e nossa sentinela. Em estrito senso, é Deus mesmo quem edifica e quem guarda, porque sem Ele qualquer projeto, ainda que pleno de êxito (até por conta de sua indiscutível misericórdia), nunca terá o sabor e valor que teria se O considerássemos. O Salmista afirma que o pão saboreado como fruto do labor intenso sem a participação Divina, é inútil. É inútil porque desemboca no orgulho, na soberba, na autossuficiência.

Jesus afirmou com severidade:  “..buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça (de Deus) e todas essas coisas (a comida e a roupa) vos serão acrescentadas”. Mateus 6.33 A ordem dos fatores não altera o produto é uma das leis da matemática na adição. Mas em nosso relacionamento com Deus, Ele deve vir em primeiro lugar, porque se assim não for, o resultado estará seriamente comprometido. Quantas famílias realizam o Culto Doméstico, ainda hoje? Quantas famílias mantêm o salutar hábito de orar antes das refeições? Em quantas famílias Deus é consultado antes de qualquer decisão ser tomada? Em quantas famílias se cultiva o saudável hábito da assiduidade e pontualidade quanto aos serviços religiosos de sua Igreja? Em quantas famílias há o exercício abençoador de separar as primícias para o Senhor?

Se Deus não vier em primeiro lugar na família, ela está fadada a desmoronar.

O Salmo 127 pode ser considerado O Salmo da Família Cristã também porque:

2. PORQUE NELE APRENDEMOS QUE DEUS NÃO DESPREZA O TRABALHO 
DE NOSSAS MÃOS.

O Salmista não diz que não devemos trabalhar e nem tampouco que não devemos vigiar. O que o Salmista afirma de forma implícita é que Deus opera através de nós e vigia através de nós. Somos seus instrumentos e colaboradores. Nós somos aqueles que Deus usa para a edificação do lar, espiritualmente, intelectualmente e fisicamente, aqueles por meio dos quais Deus guarda e mantém em segurança.

Conta-se que em certa igreja na Alemanha destruída pelos bombardeios dos aliados, os habitantes daquele vilarejo tentavam restaurar uma imagem de Cristo. Todas as partes foram encontradas com exceção das mãos do Cristo. Então certa pessoa, espirituosa, escreveu em uma placa, pendurando-a na estátua, os seguintes dizeres: Jesus quer usas as nossas mãos. Paulo escreveu aos Coríntios: “Porque de Deus somos cooperadores; lavoura de Deus, edifício de Deus sois vós”. I Cor. 3.9

Deus que abraçar com nossos braços, ouvir com nossos ouvidos, falar através de nossos lábios e abençoar vidas com nossas próprias vidas. Ele quer que o lar abençoado seja resultado dessa parceira entre Ele e o homem que O teme.

Mas o Salmo 127 deve ser considerado O Salmo da Família Cristã por uma terceira razão.

3. PORQUE NELE APRENDEMOS QUE OS FILHOS SÃO HERANÇA DO SENHOR.

Há no cristianismo uma importante doutrina chamada de Doutrina da Mordomia Cristã. De forma sumária aprendemos que tudo pertence a Deus e que ele nos colocou como mordomos de tudo que é dEle. Assim é mesmo verdade que iremos responder a Deus o que fazemos com nosso planeta, como o depredamos e exaurimos de forma irresponsável seus recursos.

O Salmista diz que os filhos são herança do Senhor. Eles não nos pertencem em última instância. Eles pertencem a Deus e o Senhor nos tem confiados suas preciosas vidas e haverá de cobrar de cada pai a forma como educou, instruiu seus filhos.

Temos que considerar que filhos são bênçãos de Deus em nossas vidas. Conheci muitos casais que eram bem mais envolvidos com a Igreja antes dos filhos nasceram. Compreendemos, até por experiência própria, que os filhos absorvem muito do nosso tempo e de nossa energia, mas deixar de cumprir com nossas obrigações colocando a culpa nos filhos que Deus nos confiou é agir de forma desonesta, tanto para com Deus como para com nossos próprios filhos. Meus filhos nunca me impediram de frequentar a Igreja e servir a Deus nela. Eu sempre os eduquei procurando mostrar a importância da Igreja de Cristo em nossas vidas.

        Os filhos são sempre bênçãos. Quando um filho nasce, Deus nos abençoou, seja o que esse filho for. Eu tive a experiência de visitar meu irmão mais velho na Detenção do Estado no bairro do Carandiru. Lá naquela enorme fila, sob um sol escaldante havia uma quantidade enorme de mães esperando ansiosamente para poder abraçar seus filhos. Na dureza de alguns corações pode morar o pensamento de que um filho assim não merece tal sacrifício, mas aquilo que é desconsiderado para alguns, para outros pode ser um tesouro. Eu me recordo da história daquele americano que comprou uma moto Harley-Davidson em uma garagem no meio de quinquilharias e acabou descobrindo, ao encomendar peças para consertá-la, que se tratava de uma moto que havia sido de propriedade de Elvis Presley e que havia gente disposta a pagar 500 mil dólares por ela. Assim, há coisas que podem ser desconsideradas por alguns, mas que são úteis para outros. No caso dos nossos filhos eles são sempre bênçãos porque foi Deus quem os confiou a nós. Filhos, sejam quais e como forem, são sempre bênçãos!

            Portanto:
1. Nossos filhos são tesouros.
2. Devemos criá-los de acordo com a Palavra de Deus.
3.Nossos filhos não podem servir de desculpa para nosso fraco engajamento na obra do Senhor.

Filhos são herança do Senhor! Infelizmente muitos só compreendem isso quando já é tarde demais.

           Estou convencido de que o Salmo 127 pode ser considerado mesmo o Salmo da Família Cristã, da minha e da sua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS