sexta-feira, 14 de outubro de 2016

FÉ OU OBRAS? QUAL DELAS?

FÉ OU OBRAS? QUAL DELAS?
 (Tiago 2.14-26)

“Boas obras não fazem o homem bom,
Mas o homem bom faz boas obras”.
Martinho Lutero

A Carta de Tiago foi a última a ser considerada literatura inspirada e a ser adicionada ao cânon do Novo Testamento. Entre as razões para a demora em sua aceitação, como escritura inspirada, estava a controvérsia sobre a Fé e Obras. Todavia, precisamos levar em consideração o texto dentro do seu contexto, pois se negligenciarmos esse princípio de interpretação, certamente iremos incorrer em erros e equívocos lamentáveis.

Em nenhum momento Tiago exorta a que nos justifiquemos por nossas obras e nem coloca as obras acima da fé. Uma leitura do contexto próximo, irá nos mostrar que, na verdade, Tiago está exortando aos seus leitores mostrando que o cristianismo não é apenas uma soma de convicções, mas também um elenco de boas ações. Para Tiago, declarar que nutrimos fé em nossos corações, mas vivermos vazios de boas ações, é mera abstração, é como um corpo sem espírito. Para Tiago, as boas obras revelam a fé genuína que o crente declara possuir. A advertência e exortação é no sentido de que evitemos os caminhos da discriminação e do preconceito, da inércia e insensibilidade com respeito às necessidades do irmão e da irmã menos favorecidos. Não devemos ter dúvida da atualidade desse ensino. Absolutamente! Declarar ser cristão e encolher a mão é mentir. Falar de fé e cantar o amor, sem mostrá-los em nossos atos, é discurso vazio, sem sentido.

Vivemos em um mundo onde poucos têm muito (até demais) e muitos não têm quase nada. Olhamos para a economia, ciência, tecnologia, sistema de saúde e educação dos países do primeiro mundo e ficamos boquiabertos ao comparar tudo isso, com aqueles países de terceiro, quarto ou quinto mundo. Foi essa política de isolacionismo das economias mais robustas, em detrimento das nações mais pobres e carentes, que se constituiu no caldo grosso donde surgiram, o terrorismo e a violência em todos os níveis. Não estamos justificando atos terroristas, pois eles são injustificáveis.Um erro não justifica outro. Mas temos que admitir que o descaso com respeito à miséria alheia é também um tipo de violência e de agressão.

O cristianismo exalta a pessoa humana, pois prega a isonomia, ou seja, a igualdade de todos perante a lei. O cristianismo é excelente, pois ensina que as pessoas são mais importantes que as instituições e mais importantes que as coisas. O cristianismo eleva o nível dos relacionamentos, pois prima pela assistência aos menos favorecidos (Atos 2.42-47; 4.32-35). O cristianismo é excelente porque prega a justiça social, a igualdade de condições e a oportunidade sem acepção de pessoas. Devemos compreender, urgentemente, que cristianismo é fé em ação, que ser cristão não implica em que fiquemos sentados confortavelmente em nossas casas declarando que a pobreza é fruto do pecado e que a prosperidade patrimonial é conseqüência de uma vida sem pecados. Pensar assim é incorrer em lamentável equívoco. A Bíblia nos exorta a que façamos o bem, pois aquele que sabe que deve fazer o bem e não o faz, nisso está pecando, conforme o próprio Tiago diz em 4.17.

Senhor quando foi que te vimos com fome te demos de comer? Ou com sede e te demos de beber? E quando te vimos forasteiro e te hospedamos? Ou nu e te vestimos? E quando te vimos enfermo ou preso e fomos te visitar? O Rei respondendo lhes dirá: Em verdade vos afirmo que sempre que o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes”. Mateus 25.31-40. Simplesmente faça o bem, pois quem sabe que deve fazer o bem e não o faz, nisso esta pecando. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS