segunda-feira, 24 de outubro de 2016

O DISCÍPULO DE CRISTO



(Mateus 10.34-39)
 “O mundo quer ver Jesus em cada cristão e isso só será possível se cada cristão for um verdadeiro discípulo dEle”.
Rev. Mauro Sergio Aiello

Ser discípulo de Cristo é uma tarefa das mais difíceis. Jesus sempre foi claro quanto a essa questão. Neste mesmo evangelho escrito por Mateus temos o caso daqueles dois homens que disseram que iriam seguir Jesus. A um deles Jesus disse que “as raposas têm seus covis, e as aves do céu, ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça” (Mateus 8.20), e ao outro Jesus disse: “Segue-me, e deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos” (Mateus 8.18-22). Quem espera e deseja ser discípulo de Jesus deve saber que essa é uma missão revestida de enorme responsabilidade.

No texto de Mateus 10.34-39 Jesus mostra que, se desejamos ser seus discípulos, devemos estar cientes de que:

1. ESTAREMOS ENVOLVIDOS EM UM CONFLITO.

Um conflito que começa muitas vezes em casa. Pais contra filhos, filhos contra seus pais, sogra contra nora, e assim por diante. Cristianismo exige “de-cisão”. Cristianismo é conflito, combate. Disse Paulo: “Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé” (2Tm. 4.7). O discípulo de Jesus deve estar cônscio de que é um soldado engajado, um combatente no front, lutando a guerra santa na qual enfrenta um poderoso inimigo. Gosto muito do hino que diz: “Um pendão real vos entregou o Rei, a vós soldados seus. Corajosos, pois em tudo o defendei, marchando para os céus” (Hino 303 – NC). Mas nesta passagem bíblica Mateus nos ensina também que como discípulos de Cristo:

2. DEVEMOS AMAR O MESTRE JESUS ACIMA DE TUDO.

Jesus deve ter prioridade em nossa agenda. Em primeiro lugar vem Deus e o seu reino. Deus disse: “Não terás outros deuses diante de mim”. Nada pode existir entre nós e o nosso Deus. Quem ama a Deus e a Jesus ama o seu próximo também. E foi Jesus quem disse que seríamos identificados como seus discípulos se nos amássemos uns aos outros como ele nos amou. É interessante notar aquilo que João disse: “..aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê” (João 4.20b). O discípulo de Cristo ama como o mestre amou. Mas há algo mais que precisamos considerar:

3. DEVEMOS TOMAR A CRUZ TAMBÉM.

Foi Jesus mesmo quem disse: “o discípulo não está acima do seu mestre” (Mateus 10.24ª). Se Jesus tomou a cruz, devemos segui-lo e igualmente tomar a cruz também. A cruz do mestre é a cruz do discípulo. A cruz é o caminho para a glória. O escritor de Hebreus afirmou: “...olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia (vergonha) ..” (Hebreus. 12.2).

Nada há nada mais difícil em nossa jornada por aqui do que seguir os passos de Jesus, nosso Mestre. Mas é exatamente isso que devemos fazer. O cristão é aquele que imita a Cristo em tudo.

Jesus afirmou: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as cousas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até a consumação do século”. (Mateus 28.19-10).

Sejamos discípulos de Cristo, porque os verdadeiros discípulos de Cristo são aqueles que fazem discípulos para Cristo. Pense nisso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA!

Fico feliz em que você visite o Blog Conteúdo. Faço parte dessa comunidade de gente que gosta de escrever e expor o que escreve sem nenhum receio de ser lido e contestado. Fique a vontade nessa minha sala de leitura. Espero, sinceramente, que meus escritos ajudem você de alguma maneira, mas principalmente do ponto de vista espiritual. Se você quiser me ajudar ore por mim e peça a Deus que me mantenha firme na fé cristã. Se você não é um cristão como eu, eu gostaria de conhecer você e falar para você sobre minha fé. É só ir na seção dos comentários e fazer contato.

Um abraço.


FAMÍLIA.....

FAMÍLIA.....
O MAIOR PATRIMÔNIO DE UM HOMEM É SUA FAMÍLIA

FILHOS

FILHOS
QUERIDOS